fundo parallax



 
As principais causas de infertilidade feminina serão descritas a seguir e devem ser pesquisadas em mulheres que não atingem o objetivo da gravidez após 1 ano de tentativa com relações sexuais regulares. Em mulheres acima de 35 anos, esta investigação pode ser iniciada após 6 meses de tentativa de gravidez sem sucesso.
 





 

Fator ovulatório

A ovulação consiste na liberação do óvulo contido no ovário, que é captado pela trompa uterina. A mulher que tem uma produção inadequada de hormônios, pode ter uma falha de ovulação ou até mesmo ovular. Quando a ovulação não ocorre, o ciclo menstrual costuma ser irregular. Porém, quando há apenas uma deficiência na qualidade da ovulação, este sintoma pode não aparecer. A investigação da qualidade da ovulação é feita através de exames de sangue, que consistem na dosagem de hormônios. Estes exames devem ser realizados em datas determinadas, de acordo com o ciclo menstrual de cada mulher. Os hormônios pesquisados são produzidos tanto no ovário quanto em outros locais, mas interferem na produção hormonal ovariana. O exame de ultrassonografia também auxilia no diagnóstico. Um exemplo comum deste fator é a falha de ovulação em mulheres com ovários policísticos.
 





 

Fator uterino

Existem irregularidades na cavidade uterina que podem dificultar a fixação do embrião na parede uterina. Exemplos de possíveis causas de irregularidade na parede uterina são: miomas (intramurais e submucosos), pólipos endometriais e malformações uterinas (útero bicorno, por exemplo). Para verificar estes problemas, é necessário realizar exames como ultrassonografia transvaginal, histeroscopia (HSC – uma ótica introduzida dentro do útero diagnostica esta alteração) e histerossalpingografia (HSG – radiografia do útero e trompas, para ver a forma dos mesmos). Eventualmente, esses diagnósticos precisam de comprovação por uma outra técnica, que se chama vídeo-laparoscopia, quando uma ótica introduzida no abdome permite visualizar as trompas, os ovários e demais órgãos internos.
 





 

Fator tubário

As trompas uterinas, que fazem a comunicação entre o ovário e o útero, podem apresentar deformidades ou até mesmo obstrução do seu canal. Se estas estiverem comprometidas de um lado ou mesmo dos dois lados, podem dificultar e até mesmo impedir o encontro do espermatozóide com o óvulo, evitando assim a fecundação. Para verificar se existe este problema é necessário fazer o exame de histerossalpingografia (HSG – radiografia com uso de contraste do útero e trompas para ver a forma e a permeabilidade das mesmas). Eventualmente, esse diagnóstico precisa de comprovação por uma outra técnica, que se chama vídeo-laparoscopia, quando uma ótica introduzida no abdome permite visualizar as trompas, os ovários e demais órgãos internos.
 





 

Endometriose

Um dos problemas que frequentemente acometem mulheres com infertilidade é a endometriose. Esta doença consiste na presença de focos de células de dentro da cavidade uterina (endométrio) em outros locais. Estes implantes de células endometriais podem ocorrer no revestimento dos órgãos internos (peritônio). Nesta situação, levam à formação de aderências. Estas aderências são as responsáveis pela perda de mobilidade das trompas, fenômeno fundamental para a captação dos óvulos e para sua fertilização.
A endometriose também pode acometer os ovários, levando a uma dificuldade para a ocorrência da ovulação. A Adenomiose ou Endometriose interna é decorrente do implante de células endometriais na parede uterina. Nos casos de endometriose e/ou adenomiose pode ocorrer um processo inflamatório uterino, com consequente dificuldade para a implantação do embrião no útero. As mulheres com endometriose podem apresentar cólicas menstruais de intensidade variável ou serem absolutamente assintomáticas, ou seja, não terem dor ou qualquer outro sintoma.
 





 
Em mulheres acima de 35 anos, esta investigação pode ser realizada após 6 meses de tentativa de gravidez sem sucesso.
 





 
O tratamento adequado pode levar a realização deste grande sonho: ter um filho. Não desanime! As técnicas de reprodução humana têm apresentado resultados cada dia mais animadores. Nunca desista de seus sonhos!
ENTRE EM CONTATO CONOSCO